Páginas

sábado, 31 de março de 2012

Hora do Planeta 2012: Hoje é o dia de apagar as luzes e ficar no escuro

Neste sábado, dia 31, acontece a sexta edição da Hora do Planeta, movimento global da ONG WWF que defende, por meio de uma ação simbólica, que “cada pessoa tem poder de mudar o mundo em que vive”.
Dás 20h30 ás 21h:30, cidadãos do mundo inteiro vão apagar as luzes e aparelhos elétricos para chamar a atenção para a questão da energia e mudanças climáticas. “É um gesto simples e de visibilidade que pode ser adotado em todo o planeta”, explica a WWF.
“Simboliza a eficiência e o uso de todos os recursos com inteligência e responsabilidade”.
Pela primeira vez, a ação será registrada do espaço.


O astronauta André Kuipers vai compartilhar imagens e comentários ao vivo via Agência Espacial Européia (ESA).

No Brasil, mais de 100 cidades irão participar do evento, e você pode conferir a lista das cidades que já aderiram ao projeto.

O movimento surgiu na Austrália em 2007 e já em 2008 se espalhou para 35 países. Em 2010, foram 4.200 cidades de 125 países que aderiram à ação. Em 2011, mais de um bilhão de pessoas participaram.

No ano passado, o total de cidades que aderiram foi de 123, com 20 capitais. Das 120 participantes, 24 cidades estão participando pela primeira vez.

O número total de ícones, praças e monumentos, cujas luzes essas cidades se dispõem a apagar, já é recorde há alguns dias — 541, até o momento — superando os 380 de 2011.

Outra marca batida foi a participação das cidades do estado de São Paulo: 45 até agora, seis a mais do que as 39 do ano passado.
Fonte: WWF

sexta-feira, 30 de março de 2012

Alunos do 11 de agosto foram convocados para representar o Brasil na feira Internacional de Ciências no Equador

O projeto energia eólica, composto pelos alunos: Flavia Kaline, Jonas e Marcondes da Escola Estadual 11 de agosto, sendo orientado pelo professor Everton, foi convocado para participar da feira internacional de ciências no Equador.
No total, foram escolhidos 3 projetos para representar o Brasil no Equador, por falta de recurso, um projeto desistiu e como manda o regulamento foi chamado o projeto seguinte. Energia eólica, em termo de classificação.

quinta-feira, 29 de março de 2012

RN fica em 2º lugar no atendimento de crianças na educação infantil

 
O Rio Grande do Norte ficou em segundo lugar nas taxas de atendimento de crianças na educação infantil, perdendo apenas para o estado do Ceará. O limite na região potiguar foi de 90%. Dos cinco primeiros colocados, quatro são da região Nordeste. O estado de Rondônia ficou em último colocado, com o valor de 57,1 %. Os dados são de 2010 e só foram divulgados agora.

Nos últimos dez anos, a taxa de atendimento das crianças de 4 e 5 anos na escola cresceu 55,8%. Em 2010, foi de 80,1%. Entretanto, mais de 1,1 milhão de crianças dessa faixa etária não frequentam a escola, de acordo com levantamento do Movimento Todos pela Educação.

Uma emenda constitucional, aprovada em 2009, estabelece que a pré-escola seja uma etapa obrigatória no país, assim como o ensino médio. O Novo Plano Nacional de Educação (PNE) coloca como um dos desafios do país é incluir todas as crianças de 4 e 5 anos nas redes de ensino até 2016.

Kátia Lanzillo, diretora do Departamento de Educação Infantil da Secretaria Municipal da Educação (SME), diz que recebeu essa notícia com muita alegria, visto que estão tentando seguir o novo Programa Nacional de Educação.

Priscila Cruz, diretora executiva do Movimento Todos pela Educação, disse a Agência Brasil que o baixo atendimento no início da década passada estava ligado, inclusive, a fatores culturais: muitas famílias não consideravam importante mandar os filhos para a escola antes do ensino fundamental, já que a pré-escola era vista apenas como um espaço para a criança brincar.

Kátia Lanzillo disse que apesar de ainda existir a falta de informação, essa visão está mudando. “Hoje, os pais estão sabendo a importância da pré-escola”, disse. Lanzillo ressaltou a grande procura de vagas nos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs), em Natal, para o ano letivo de 2012 em que algumas unidades tiveram filas para a matrícula.

A procura pelas CMEIs foi tão grande que alguns alunos foram redirecionados para as escolas particulares conveniadas da SME, através do Programa Escola Para Todos (PPET).

A tendência é que a população de 4 e 5 anos diminua nos próximos anos. Há previsão de uma queda de 22% da população nessa faixa etária entre 2010 e 2022, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

RN vai receber R$ 81,03 milhões para financiar campanhas de vacinação

Portaria do Ministério da Saúde publicada nesta quinta-feira (29) no Diário Oficial da União define R$ 81,03 milhões da União para financiar campanhas de multivacinação e de imunização contra a influenza sazonal e a raiva animal, este ano.

Os recursos destinados à Campanha de Multivacinação vão financiar a Campanha Nacional contra Poliomielite, a de atualização do esquema vacinal das crianças menores de 5 anos de idade e o monitoramento rápido de coberturas para avaliação da situação vacinal de pessoas nessa faixa etária.

O trabalho de monitoramento é voltado para a análise da cobertura, a fim de saber até que ponto a população-alvo está sendo atendida. Serve também para analisar as informações sobre os gastos para verificar, por exemplo, se os benefícios justificam os custos ou se as atividades cumprem requisitos legais e fiscais.

A definição dos recursos a serem alocados nas secretarias estaduais de Saúde e nos municípios deverá ser pactuada na Comissão Intergestores Bipartite (CIB) e informada ao Ministério da Saúde, por meio da Secretaria de Vigilância em Saúde, em até 30 dias, a partir de hoje (29).

Fonte: Agência Brasil


quarta-feira, 28 de março de 2012

Sem professores, alunos estão ficando sem 132 aulas por semana no 11 de agosto, relata vereador

Quatro professores ausentes e déficit de 132 aulas por semana. Essa é a realidade relatada pelo vereador Érico Onofre (PMDB) que está sendo vivenciada por cerca de 430 alunos atualmente matriculados na Escola Estadual 11 de Agosto

Em sessão do legislativo municipal dessa terça-feira (27), o vereador disse que a educação em Umarizal passa por um momento difícil e que a falta de corpo docente para aulas é o principal motivo da situação.

“Houve concurso para preenchimento de vagas na região e simplesmente a resposta que a 14ª Dired nos passa é que não há previsão para contratação dos concursados” Declarou Érico.

Fazendo uso da tribuna da casa, O vereador relatou que sem aula, os alunos estão deixando a escola e em alguns casos até abandonando os estudos. “Alunos indo embora mais cedo, desistindo de estudar e os pais cobrando inciativa da administração” destacou Érico que ainda classificou como “caótica”o momento que vive a educação do município.

Érico pediu apoio dos vereadores na assinatura de um ofício solicitando da Secretaria Estadual de Educação uma atitude emergencial para regularizar a situação.

 

Médicos do RN realizam paralisação de advertência em abril

Em assembleia realizada nesta terça-feira (27) no Sinmed, os médicos do Estado definiram realizar uma paralisação de advertência no próximo dia 25 de abril, como forma de chamar atenção do governo quanto às reivindicações da classe.

Durante 24h devem ser paralisadas todas as atividades eletivas, como consultas, exames e cirurgias, além de se reduzir em 30% os atendimentos de urgência de toda a rede de saúde do Rio Grande do Norte.

Após o dia de paralisação os médicos do Estado se reúnem em assembleia no Sinmed para definir o encaminhamento da campanha salarial, pois será a data limite para as negociações com Governo do Estado.

Segundo o presidente do Sinmed, Geraldo Ferreira, os médicos precisam participar de todo o dia paralisação, além de comparecer na assembleia que será decisiva e poderá desencadear uma greve.

O dia 25 de abril será marcado também pela paralisação nacional dos médicos que atendem por planos de saúde. Os médicos de Natal, que se reúnem em assembleia dia 28, também devem aderir à paralisação.

Negociações
Esta semana o Sinmed recebeu uma notificação do secretário estadual de saúde, Domício Arruda, informando que os cálculos do impacto financeiro sobre as reivindicações da classe médica já foram iniciados. O titular da pasta informou também que os médicos da ativa, que terão a gratificação incorporada receberão o salário de março em uma folha extra que deverá ser paga até o dia 10 de abril.

Quanto aos médicos cedidos e municipalizados o SinmedRN solicita que os mesmos entrem em contato informando nome, CRM e local de trabalho para que possa ser verificada qual é a situação da incorporação.
Fonte: Nominuto.com


segunda-feira, 26 de março de 2012

Governo quita débitos com produtores de leite do RN

Com o pagamento de R$ 1.178.668,30 realizados na última sexta-feira, o Governo do Estado do Rio Grande do Norte quita o pagamento das duas quinzenas de Janeiro/12 e duas quinzenas do mês de fevereiro/12 do Programa do Leite, relativos ao Programa de Aquisição de Alimentos - modalidade leite (PAA-Leite), parte do programa do Leite que é realizado em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à fome (MDS).

O governo realizou, também, na última sexta-feira (23) o pagamento de mais R$ 2,5 milhões, que quita o pagamento das duas quinzenas do mês de janeiro/12, referentes à parte do programa que é realizado exclusivamente com recursos do Governo do Estado. Até a próxima terça-feira (27) o Governo do Estado do Rio Grande do Norte quitará o pagamento das duas quinzenas do mês de fevereiro/12, efetuando o pagamento de mais R$ 2,5 milhões.

"Assumimos um compromisso com a cadeia produtiva do leite e estamos cumprindo. Reorganizamos o programa e as finanças; saldamos as dívidas. O programa Leite Potiguar contempla nova organização e estrutura do "programa do leite", com mais agilidade e menos burocracia, para que os benefícios desse programa sejam sentidos por todos: produtores e população", disse a governadora Rosalba Ciarlini anunciando mudanças do programa do leite que passa a se chamar Leite Potiguar, que entrega, por dia, 113.425 litros de leite de gado e 4.233 litros de cabra em todos os municípios do Rio Grande do Norte, totalizando 117.658 litros/dia para as famílias beneficiadas.

No dia 15 de março a governadora Rosalba Ciarlini recebeu 11 associações e sindicatos do agronegócio potiguar, na Governadoria, e entre os compromissos firmados; o de regularizar o pagamento do programa até o final do mês de março.

Sensível ao pleito dos representantes, a governadora Rosalba Ciarlini em relação ao "Programa do Leite" comunicou que todos os processos que estivessem em conformidade teriam as quinzenas quitadas, como efetivamente estão sendo pagas. Por ano são investidos R$ 62 milhões no programa, somente com recursos do Governo do Estado.

Está mantido, também, o acordo feito com o Sindicato das Indústrias de Laticínios e Produtos Derivados do RN (SINDLEITE-RN) para quitar os débitos deixados pela gestão anterior. O valor devido, cerca de R$ 3,4 milhões, será pago em oito quinzenas, a partir deste mês de março, paralelamente ao pagamento das quinzenas de 2012.

Além de quitar a dívida da gestão anterior, o Governo do Estado trabalha para reestruturar o Programa do Leite a partir de sua municipalização. Este novo formato vai facilitar a logística de distribuição tanto para as cidades quanto para a população.

"Com as medidas que estão sendo adotadas, como a centralização do orçamento na Emater e com a municipalização do programa, vamos garantir a agilidade do pagamento, a melhora e o controle da distribuição e entrega do leite aos beneficiários, numa parceria exitosa com as prefeituras", afirmou Ronaldo Cruz, diretor-presidente do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Rio Grande do Norte (Emater).

Os municípios de Georgino Avelino, Bom Jesus, Monte Alegre, Cerro Corá, Tibau do Sul e São Paulo do Potengi foram visitados por uma Comissão de Inspeção para a pré-implantação do novo formato que se chamará Leite Potiguar. A intenção é implantar a filosofia do novo programa em todos os 167 municípios

Dia 31/03/12 em Umarizal:



Governo oferece curso técnico a alunos do ensino médio

O Governo do Estado apresentou nesta segunda-feira (26) a oferta de vagas dos cursos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) para o ano letivo de 2012. A apresentação contou com a presença de dirigentes dos parceiros do Protanec – SENAC, SENAI, UFRN e IFRN.

Inicialmente estão sendo oferecidas 4.604 novas vagas para os cursos de Formação Inicial Continuada (FIC) e 867 vagas para os Cursos Técnicos Profissionais de Nível Médio (TEC) em 13 municípios de diferentes regiões do estado, que irão atender a alunos de noventa Escolas Estaduais com cursos voltados para a Qualificação e a Educação Profissional Técnica.

“Essa é uma ideia que nosso governo está abraçando. Estamos trabalhando focado na educação, lançando o programa em alguns municípios, mas o objetivo é alcançar todo o RN”, explicou a governadora Rosalba Ciarlini, durante a solenidade que aconteceu no auditório da Governadoria.

“A parceira com a UFRN, SENAC, SENAI, Institutos Técnicos Federais, nesse programa que é nacional, é de grande importância para a formação de nosso jovem. Nós estamos também incluindo outras opções de cursos profissionalizantes, inclusive com a visão na Copa do Mundo de 2014, porque é importantíssimo levar ao nosso jovem a oportunidade para que ele não apenas faça o curso regular, mas que ele saia do ensino médio preparado, capacitado, com um profissão técnica, para poder ocupar as vagas oferecidas no mercado de trabalho e ter condições de ter um grande futuro”, finalizou a Governadora.
Demis Roussos/Governo do RN
"Estamos trabalhando focado na educação, lançando o programa em alguns municípios, mas o objetivo é alcançar todo o RN”, explicou a governadora.

“Esse é um grande momento. É o momento em que a educação está na pauta do Estado Brasileiro, como proposta de desenvolvimento do país. Eu só tenho a agradecer, em nome do Instituto Federal do Rio Grande do Norte, o crédito que a Secretaria de Estado da Educação e o Governo do Estado estão nos dando para que a gente possa ampliar essa parceria e ofertar novas vagas”, disse o pró-reitor de extensão do IFRN, Wyllys Abel Farkatt.

A Secretaria de Estado da Educação (SEEC), mesmo considerando os ajustes iniciais, aplicou todos os esforços para beneficiar com a oferta dos cursos profissionais do Pronatec todas as regiões do Rio Grande do Norte, dividindo o programa em quatro pólos – Natal, Caicó, Mossoró e Pau dos Ferros.

Inicialmente, estão sendo contempladas 40 Escolas Estaduais em Natal, 16 em Mossoró, quatro em Caicó, quatro em Santa Cruz, quatro em Assu, duas em Pau dos Ferros, e mais 20 espalhadas nos municípios de Parnamirim, Macaíba, Ceará Mirim, São Gonçalo, Arês, Goianinha e Maxaranguape.

Cursos
A secretária de Estado da Educação, Betânia Ramalho, explicou que os cursos fazem parte do programa de ensino médio técnico, um programa do Governo Federal que está relacionado com o Brasil Profissionalizado. São oferecidos cursos de duas modalidades: o de curta duração que são os FIC’s, e o curso técnico que é o ensino médio integrado (TEC).

”Estamos na segunda etapa do Pronatec aqui no estado, pois ele teve início o ano passado, em novembro, e nosso grande interesse é fazer com que a população entenda da importância do aluno do ensino médio em conciliar o estudo com a formação técnica par o trabalho”, explicou a secretária.
Demis Roussos/Governo do RN
 
Betânia Ramalho, secretária de Estado da Educação.

No Pronatec, os cursos de Formação Inicial Continuada têm carga horária mínima de 160 a 360 horas e beneficiam diretamente a estudantes do Ensino Médio (2ª e 3ª séries) e da Educação de Jovens e Adultos (EJA). O Pronatec. As inscrições ocorrem nas escolas participantes e no site www.pronatec.rn.gov.br.

Já os cursos de Formação Técnica têm o mínimo de 800 a 1.200 horas de carga horária e são destinados, de forma concomitante (contraturno das aulas), aos estudantes do Ensino Médio. A oferta de cursos segue as potencialidades e tendências de mercado regionais, e ocorre nos períodos matutino, vespertino e noturno.

Entre os cursos que ofertados estão os de Mecânico de Manutenção de Motores a Diesel; Operador de Sonda de Perfuração; Soldador no Processo Eletrodo Revestimento Aço Carbono e Aço Baixa Liga; Soldador no Processo T.I.G. em Aço; Mecânico de Usinagem; Mecânico de Manutenção de Motocicleta; Instrumentista Industrial; Operador de Computador; Programador Web; e Montagem e Manutenção de Computadores.

Corrida mobiliza mais de cem pessoas em prol da paz em Umarizal

Quarenta e quatro corredores entre homens e mulheres e mais de cem pessoas se mobilizaram e participaram na tarde desse domingo (25) da Corrida Pela Paz em Umarizal. Os números são da organização do evento.

A corrida fez parte da programação da campanha “Sou Feliz, Sou de Umarizal – Minha Terra, Meu Lugar”, uma iniciativa da Diaconia em parceria com a CDL (Câmara dos Dirigentes Lojistas), que tem como objetivo fortalecer o comércio local e potencializar o trabalho desenvolvido pela Diaconia na região.

Segundo Célio Meira, assessor de mobilização de recursos da Diaconia e um dos coordenadores da campanha, a corrida foi além das expectavias. “A população participou em peso, a gente teve uma participação maciça de corredores e da própria comunidade e eu acho que a gente conseguiu chamar a atenção das pessoas da cidade pra uma cultura de paz, de lazer, de saúde tanto física quanto a mental”. Destaca.

Os atletas, vindos de vários municípios do estado fizeram um percurso de quase 5 km saindo da entrada do Assentamento Remédio até a chegada ao lado da Praça de Alimentação, no centro. O vencedor na categoria Masculina saiu da cidade de Patu.

Francisco Armenes Cardoso, 37 anos, atleta profissional foi o primeiro colocado na prova levando parte da premiação total de R$ 600 reais que foi divido entre as categorias. Ele destacou a satisfação e a importância de participar de mobilização que envolveu o esporte e o protesto pela paz. “A paz é a coisa mais importante. Participar de uma prova dessa e fazer com que as pessoas se mobilizem em prol da paz é muito importante. Como atleta isso é muito gratificante”. Disse.

Já na categoria feminina quem conquistou o primeiro lugar foi a estudante atleta caicoense Kaline Ewelly. A jovem de 16 anos cruzou a linha de chegada superando as demais mulheres que participaram da prova.

A campanha segue agora em abril e segundo os coordenadores deverá ser realizada uma mobilização voltada para as escolas do município.


 

sábado, 24 de março de 2012

Senac oferece 2.649 bolsas de estudos gratuitas

O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac/RN) oferecerá 2.649 bolsas de estudos gratuitas, com a finalidade de beneficiar estudantes de 56 escolas estaduais norte-rio-grandenses, por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

Os cursos profissionalizantes em áreas como informática, turismo, gestão e beleza, beneficiarão jovens de baixa renda dos municípios de Assú, Caicó, Macaíba, Mossoró, Natal e Parnamirim. As inscrições começam na próxima segunda–feira (26) e seguem até o dia 30. Os interessados em concorrer às vagas devem ser alunos regulares do ensino médio ou da educação de jovens e adultos das entidades de ensino listadas abaixo – previamente selecionadas pela Secretária Estadual de Educação.

Para se inscrever, eles devem procurar as secretarias de suas escolas, que farão uma pré-matrícula. A seleção será feita pela SEEC e o resultado será divulgado no dia 11 de abril, no site
www.seec.rn.gov.br.

O que é o Pronatec?
Por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), o Governo Federal, em parceria com os governos estaduais, municipais, Sistema "S" e institutos federais, está oferecendo bolsas de estudo e financiamento para cursos de qualificação profissional. A meta é que oito milhões de pessoas possam ter acesso a oportunidades de capacitação até 2014.

O Senac é um dos parceiros dessa iniciativa, oferecendo cerca de 13 mil vagas gratuitas entre 2011 e 2012, beneficiando as populações dos municípios de Assú, Caicó, Macaíba, Mossoró, Natal e Parnamirim. A prioridade é atender estudantes do Ensino Médio e de Educação de Jovens e Adultos de baixa renda, bem como beneficiários de programas de transferência de renda, a exemplo do Bolsa-Família.

Fonte: Nominuto.com


Resultado do PSV sai dia 30 de março

 A Comissão Permanente de Vestibular (COMPERVE/UERN) confirmou que será divulgado apenas no dia 30 de março, próxima sexta-feira, às 15h, na Reitoria da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). "As informações que circulam dizendo que o resultado será antecipado não procede. O resultado oficial será no dia 30 de março", comunicou a Comperve.

No mesmo dia 30, será publicado um edital, informando as datas e a documentação necessária para a realização das matrículas. O calendário da Uern prevê para os dias 12 e 13 de abril a matrícula para os aprovados no primeiro semestre do PSV 2012. Durante esta semana, foi divulgado o gabarito final das provas do vestibular, que aconteceu nos dias 4 e 5 de março. Foram registrados e julgados 23 recursos. Apenas uma questão foi anulada: 07 do caderno de História (Prova 02), que corresponde ao 27 do caderno da prova 1. Lucas Limeira, de 17 anos, fez o vestibular para tentar ingressar no curso de Direito (noturno). De acordo com ele, a ansiedade para saber o resultado está grande. "A Uern foi priorizada por mim pela questão da qualidade do curso de Direito, estando na lista das universidades indicadas pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A ansiedade está grande porque é a última chance de capacitação no ensino superior e a minha família é bem rigorosa quanto à aprovação no vestibular. Mas estou muito esperançoso", comentou. Mariana Falcão, de 17 anos, que está tentando ingressar no curso de Comunicação Social (Publicidade), também não escondeu a sua ansiedade. "Estou muito ansiosa, mas espero que dê tudo certo e que eu seja aprovada", disse. Mais de 15 mil candidatos se inscreveram para a prova, sendo que 2.882 não compareçam ao local, sendo automaticamente eliminados do processo.

Fonte: Tribuna do norte

quinta-feira, 22 de março de 2012

Governadora solicita recursos federais para a UERN

A governadora Rosalba Ciarlini solicitou ao ministro da Educação, Aloísio Mercadante, recursos federais para investimentos na Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). A proposta foi apresentada em uma audiência com os senadores Jose Agripino, Paulo Davim e Ivonete Dantas, nesta quarta-feira (21).
 
O ministro reconheceu que os governos estaduais não dispõem de condições para alguns investimentos nas universidades, principalmente em pesquisas, nos mesmos moldes das instituições federais e pediu que o governo do Estado elaborasse uma proposta para o MEC.

O ministro também se comprometeu a atender pedido da governadora para ajudar na liberação de uma emenda de bancada para a construção do campus da UERN de Apodi. "Ministro, os universitários precisam de um espaço próprio. Eles ficam sempre na dependência de prédios escolares e outros imóveis emprestados", alegou a governadora, ouvindo do ministro Mercadante que esse pleito vai ter atenção especial dele.

Transporte escolar
O ministro da Educação informou que o MEC - que mandou recentemente 30 ônibus escolares para o RN- continua apoiando o esforço do governo do Estado que adquiriu, com recursos próprios, 100 ônibus, já entregues aos prefeitos. "É preciso ofertar transporte digno para esses alunos da zona rural", destacou a governadora
Segundo o ministro, o MEC quer entregar três mil ônibus escolares, somente este ano. A governadora Rosalba Ciarlini pediu apoio do ministro Mercadante também para a liberação de emenda coletiva para a compra de cerca de 120 ônibus que serão distribuídos para outros municípios. O ministro se comprometeu a dar mais essa ajuda para melhorar a qualidade do ensino potiguar.

O ministro participou da primeira etapa de entrega dos ônibus escolares no Rio Grande do Norte.
Fonte: Nominuto.com


Eleições 2012: Chapa situacionista de Umarizal confirmada, Vice Prefeito Mano e Vereador Marcos

Foi confirmado nessa quinta-feira, 22 de março, a chapa que irá disputar as eleições de outubro pela situação em Umarizal. O vice prefeito Mano e o vereador Marcos (pré-candidato a prefeito e vice prefeito respectivamente)
Com informações do Umarizal em fotos.



quarta-feira, 21 de março de 2012

Novo exame de sangue poderá prever infarto semanas antes

Um novo exame de sangue pode ser útil para ajudar os médicos a prever quem está prestes a sofrer um infarto. A descoberta tem como base um estudo realizado pelo Instituto Scripps de Pesquisa, de La Rolla, na Califórnia, divulgado nesta quarta-feira (22), na revista "Science Translational Medicine".
Durante um infarto – ou ataque cardíaco - a pessoa sente dor no peito em pontadas, aperto ou queimação e tem sudorese. No Brasil, ao menos 300 mil pessoas morrem por ano em decorrência de doenças do coração, como o infarto e o AVC, segundo dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia.
Os principais fatores de risco são o tabagismo, estresse, pressão alta, colesterol alto, diabetes, sedentarismo e a história de infarto na família.
A pesquisa americana conclui que as células provenientes da medula óssea e que circulam nos vasos sanguíneos de pacientes que sofreram ataques cardíacos tinham tamanhos diferentes e maiores do que o normal, além de frequentemente aparecerem com núcleos múltiplos. Isso indica que elas poderiam sinalizar um risco de ruptura da placa de gordura dentro da artérie – que causa o infarto.
"A capacidade de diagnosticar um ataque cardíaco iminente tem sido considerada o 'santo Graal' da medicina cardiovascular", disse ao G1 Eric Topol, principal pesquisador do estudo e diretor do instituto.
Segundo o especialista, a descoberta é importante e "pode ajudar a mudar o futuro da medicina cardiovascular".
Metodologia

O estudo envolveu 50 pacientes que sofreram infartos em quatro hospitais de San Diego, na Califórnia. Os pesquisadores descobriram que as células do músculo cardíaco e as que circulam nos vasos sanguíneos tinham sido drasticamente alteradas nessa população quando comparado às de pessoas saudáveis.
Com co-autoria de médicos e cientistas da Scripps Health, e de um grupo de empresas do ramo da saúde, a pesquisa teve financiamento de US$ 2 milhões (R$ 3,6 milhões) do Instituto Nacional de Saúde (NIH, na sigla em inglês), dos Estados Unidos.
Os resultados podem ser considerados significativos, se for levado em conta que mais de 2,5 milhões de pessoas nos Estados Unidos sofreram um ataque cardíaco ou um AVC (acidente vascular cerebral), de acordo com Paddy Bennett, principal pesquisador do Instituto Scripps.
"A esperança é ter este teste desenvolvido para uso comercial no próximo ano ou em dois", afirma Raghava Gollapudi, MD, então principal pesquisador da Sharp HealthCare, uma das empresas envolvidas no estudo.
"Este seria um teste ideal para realizar na sala de emergência para determinar se um paciente está à beira de um ataque cardíaco ou prestes a sofrer um nas próximas duas semanas. Mas por agora só podemos testar para detectar se um paciente acabou de sofrer um ou teve recentemente um ataque cardíaco. "
Fonte: G1.com

UFRN lança concurso com 53 vagas

As provas serão aplicadas no dia 17 de junho, em Natal, no horário da manhã. A prova terá duração máxima de quatro horas. O local de realização das provas será divulgado, no site da Comperve, a partir do dia 12 de junho. Os candidatos ao cargo Assistente de Laboratório farão prova objetiva com 50 questões (25 questões de Língua Portuguesa e 25 de Matemática) de caráter eliminatório e classificatório. Os candidatos a Fotógrafo farão prova objetiva com 50 questões (10 de Língua Portuguesa, 10 de Matemática e 30 de Conhecimentos Específicos)de caráter eliminatório e classificatório.
Os que concorrerão ao cargo Programador de Rádio e Televisão farão prova objetiva com 50 questões (10 de Língua Portuguesa, 10 de Matemática e 30 de Conhecimentos Específicos) de caráter eliminatório e classificatório. Já os candidatos aos cargos de Nível Intermediário – Nível de Classificação D – farão prova objetiva com 50 questões(10 Língua Portuguesa, 10 de Matemática e 30 de Conhecimentos Específicos) de caráter eliminatório e classificatório.
Os candidatos aos cargos de Nível Superior farão prova objetiva (10 de Língua Portuguesa, 10 de Legislação e 30 de Conhecimentos Específicos)de caráter eliminatório e classificatório. Apenas os candidatos classificados (para todos os cargos) farão prova prática.
Fonte: Tribuna do norte

terça-feira, 20 de março de 2012

Medicamentos vão ficar até 5,85% mais caros

Ao todo, 22.622 medicamentos serão reajustados. Mais da metade deles terá aumento de 5,85 por cento.
Os potiguares vão ter que desembolsar um pouco mais na hora de comprar remédios. O preço vai subir até 5,85% a partir de 31 de março. Ao todo, 22.622 medicamentos serão reajustados, para mais ou para menos. O reajuste, autorizado pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED), órgão formado por vários Ministérios e vinculado ao governo federal, e publicado ontem no Diário Oficial da União, vale para todo o país. O aumento, entretanto, não será o mesmo para todos os terapêuticos, divididos em três categorias. O reajuste para a categoria com maior participação de genéricos (20% ou mais do faturamento), por exemplo, será de 5,85%. Para a categoria com participação entre 15 e 20% será de 2,8%. Já para categoria com menor participação dos genéricos o reajuste será de -0,25%. Ao invés de subir, o preço vai cair. Mais da metade dos medicamentos (55,2%), de acordo com tabela do Ministério da Saúde, subirão 5,85%. Eles estão enquadrados no nível 1, o que prevê maior reajuste.
As empresas que quiserem reajustar o preço devem apresentar um relatório de comercialização à Cmed. Quem ultrapassar o teto autorizado pode ser multado. O reajuste médio, considerando as três faixas, é de 2,81%, o menor desde 2008.

Em nota, o Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos de São Paulo afirmou que o reajuste negativo de 0,25% para alguns medicamentos preocupa, devido a pressões de custo como frete, eletricidade, embalagens e insumos. A reportagem tentou contato com o Sindicato das Farmácias do RN para saber o impacto do novo reajuste no estado, mas não obteve êxito. Previsto em lei (10.742/2003), o reajuste vai durar um ano. O próximo só pode ocorrer em março de 2013. O índice de 5,85% considerou a variação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), do IBGE, nos últimos doze meses.

Quem vai a farmácia com frequência não gostou da novidade. A professora Silvana Oliveira, 50 anos, que compra medicamento todos os meses para controlar a pressão e as 'taxas', reclamou do novo reajuste. "É um absurdo", protestou. Antes de levar algum medicamento para casa, Silvana passa em duas, três farmácias diferentes. Mas a estratégia não tem surtido muito efeito. "Está caro em todo lugar", diz. Até quem compra esporadicamente, como a técnica em enfermagem Ana Cristina Bezerra, 48, reclamou. "Qualquer reajuste, por menor que seja, faz diferença".

Nas farmácias, muitos funcionários souberam do reajuste através da imprensa. A rede para a qual a farmacêutica Milena Thaisa de Araújo trabalha, por exemplo, ainda não repassou informações referentes ao aumento. "Os preços são alterados no próprio sistema pelo escritório central sem que seja necessária nossa intervenção", explica Milena.

O Conselho Regional de Farmácia do RN, que emitiu nota no final do dia, considera positiva a redução em 0,25% de 8.840 medicamentos. No entanto, acredita que o reajuste dos outros medicamentos - mesmo abaixo da inflação - dificultará o acesso de uma camada da população aos medicamentos. Maria Célia Aguiar, presidente do CRF/RN, destaca que os programas governamentais, embora mais ostensivos, ainda são insuficientes. Para ela, "qualquer aumento amplia a já generosa margem de lucro dos laboratórios e sobrecarrega a renda das famílias brasileiras".
Fonte: Tribuna do norte

Médicos podem fazer greve por maiores salários

Secretário Domício Arruda diz que não tem orçamento
Os médicos da rede estadual de saúde não descartam a possibilidade de paralisação, caso as melhorias nas condições de trabalho e reajustes salariais não sejam atendidos. A categoria busca a implantação do piso nacional de R$ 19.626,00, além da criação de gratificação de plantonistas e da incorporação de gratificação por atividade médica em hospital para cerca de 200 profissionais (municipalizados, aposentados e de ambulatórios) que ficaram de fora do benefício, implantado entre junho e dezembro do ano passado.

Em reunião na tarde de ontem, com o secretário estadual de saúde Domício Arruda, os profissionais apresentaram a campanha salarial e exigiram um posicionamento, a cerca dos dois últimos itens, até a próxima quarta-feira (21). O prazo culmina na realização de assembleia geral, às 19h, na sede do Sindicato dos Médicos (Sinmed), quando de acordo com o presidente Geraldo Ferreira, poderá haver indicativo de greve.

"Buscamos um posicionamento do governo sobre essas gratificações, que ao nosso ver há condições de atendimento sem mais prazo e se não houver, poderemos sim, tirar um indicativo de greve", disse Ferreira. A gratificação dos plantonistas, fixada em R$ 3 mil, viria em substituição á produtividade, cujos valores variam dependendo do porte do hospital. "Alguns médicos recebem R$ 600 e outros chegam a R$ 6 mil dependendo da demanda do hospital, da quantidade de procedimentos", observa o sindicalista. Já a gratificação de desempenho médico, de R$ 2,2 mil (paga aos médicos que atuam em hospitais, como forma de incentivo), explica Geraldo Ferreira, deve ser estendida aos médicos inativos, de ambulatórios e que estão cedidos a outros órgãos e esferas.

Quanto ao reajuste salarial - que elevaria em quatros vezes os atuais R$ 4,9 mil pagos aos médicos em início de carreira, por jornada de 40 horas, e dobraria os R$ 9,4 mil, aos de maior tempo de serviço, para R$ 19,6 mil - a classe aguarda a implantação de um calendário progressivo. Ou seja, a fixação de prazo, até cinco anos, para atingir o valor. O projeto do piso nacional dos médicos está em trâmite no Congresso.

A monta (R$ 19,6 mil) "que parece distante da realidade", de acordo com o presidente do Sinmed, equivale aos valores pagos, pela Sesap, por plantão a Cooperativas. O plantão de 12 horas, via Cooperativa dos Anestesiologistas, custa aos cofres públicos R$ 1.637,00. "Se contabilizarmos doze plantões ao mês o valor se aproxima ao piso. E que hoje é pago pela Secretaria (Estadual de Saúde) só que aos terceirizados e não aos profissionais de carreira", acrescenta.

O secretário estadual de saúde Domício Arruda antecipou que, apesar do aumento de R$ 135 milhões no orçamento deste ano para saúde em relação a 2011, "não há como atender". O incremento nos recursos da Secretaria correspondem ao crescimento da folha de pagamento com a inserção de cerca de dois mil novos servidores, entre os anos de 2010 e 2011. A folha de pessoal de R$ 54 milhões, acrescida dos contratos com cooperativas médicas, respondem por 85% do orçamento da Sesap.

A substituição da produtividade esbarra não só em questões orçamentárias, como também em regulamentação, explica o secretário, "uma vez que não é restrita a médicos, mas atinge outros profissionais".
Fonte: Tribuna do norte

segunda-feira, 19 de março de 2012

Educação no campo terá programa para melhorar qualidade do ensino

A presidenta Dilma Rousseff deve anunciar na próxima terça-feira (20) o Programa Nacional de Educação do Campo (Pronacampo) para impulsionar a qualidade da educação rural. O programa prevê construção e reforma de escolas, qualificação de professores e a criação de grades curriculares e disciplinas específicas, adaptadas à realidade dos estudantes que vivem na zona rural.
As escolas localizadas em áreas rurais respondem por 12% das matrículas de educação básica no país. Os indicadores educacionais do campo são bastante inferiores aos verificados nas áreas urbanas. Enquanto a taxa de analfabetismo no país - na população com mais de 15 anos - é 9,6%, na zona rural o índice sobe para 23,2%. Apenas 15% dos jovens de 15 a 17 anos do campo estão no ensino médio e só 6% das crianças até 3 anos têm acesso à creche.

Entre as ações previstas está a produção de material didático específico para as escolas rurais, que abordem os temas da realidade do campo. Até este ano, os estudantes recebiam os mesmos livros que eram enviados ao restante do país.

O programa também prevê a construção de novas escolas, cursos de formação continuada para professores e melhoria na infraestrutura das unidades – cerca de 11 mil escolas do campo ainda não contam com luz elétrica, número que representa 15% do total. Segundo relatório do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), a maioria também não tem laboratório, biblioteca ou espaços de lazer.
O Pronacampo foi encomendado por Dilma ao Ministério da Educação em 2011. O processo de negociação também envolveu reuniões entre entidades e movimentos sociais ligados ao campo e o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho.
Fonte: Agência Brasil
Do: Umarizal em fotos

domingo, 18 de março de 2012

UFRN adota ENEM para 50% das vagas no Vestibular 2013

Durante o Seminário de Avaliação do Vestibular, realizado na manhã de sábado (17), a reitora Ângela Maria Paiva Cruz anunciou que a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) deverá adotar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como critério de seleção para 50% das vagas do Vestibular 2013. A proposta ainda precisa ser aprovada pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe).

A reitora lembrou que a UFRN já vem usando o Enem gradativamente há alguma tempo, mas ainda muito timidamente. A proposta é que o percentual aumente para 50% ainda neste ano e, no Vestibular 2014, todas as vagas sejam pelo Enem/Sisu.

"A UFRN é a única instituição do Nordeste que ainda adota o vestibular tradicional como critério de ingresso. Não podemos continuar sendo uma ilha na região. A ideia é que este ano a gente aumente o percentual de utilização da nota do Enem para que, em 2014, a nota seja adotada integralmente", comentou a reitora.

Para o professor Alexandre Pinto, diretor do Colégio Ciências Aplicadas, a adoção do Enem vai provocar mudanças na forma como os alunos se preparam para a UFRN. Ele elogiou a mudança, ressalvando que seria melhor usar a nota integralmente para todos os cursos já no Vestibular 2013.

"A proposta do Enem é muito boa, mas seria melhor se fosse para todas as vagas já neste ano. Porque, com apenas 50% das vagas, nós vamos continuar sendo uma ilha no Nordeste, além de atrair geste dos outros estados que vão usar a UFRN como segunda opção", ponderou o professor.

A presidente da Comperve, Magda Maria Pinheiro de Melo, observou que as coordenações dos cursos terão autonomia para decidir o percentual de vagas que será preenchido pela nota do Enem em 2013.

"O Enem é importante, porque democratiza o acesso ao ensino superior no País. A UFRN vem adotando a nota do exame para ingresso na instituição gradativamente. Agora, a proposta da Comperve é dar um salto", acrescentou.

Classificação

Além da questão do Enem, o seminário serviu para analisar os dados do Vestibular 2012 e a classificação das escolas potiguares, com base no desempenho médio dos alunos que fizeram o exame.

Como critério de classificação, foi usado o argumento parcial dos candidatos, considerado o mais fiel por não levar em conta o argumento de inclusão (espécie de bônus de 10% para alunos da rede pública de ensino).

Entre as escolas públicas, a melhor colocação ficou com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), campus central de Natal. Já entre as escolas particulares, o primeiro lugar ficou com o Colégio Ciências Aplicadas, também de Natal.
Fonte: Tribuna do norte

sexta-feira, 16 de março de 2012

Jovens do Rio Grande do Norte e Umarizal mostram ciência em feira na USP

O potencial de produção de energia limpa no Rio Grande do Norte está sendo mostrado em São Paulo por alunos da rede estadual de ensino. Trata-se de dois projetos de pesquisa nas áreas de energia eólica e outro de energia solar, ambos vindos do interior do Rio Grande do Norte tendo como temática de fontes de energia. O Rio Grande do Norte participa da Feira Brasileira de Ciência e Engenharia (Febrace), considerada a maior feira brasileira de Ciências e Engenharia, promovida pela USP (Universidade de São Paulo). O RN ainda participa com mais sete projetos de estudantes de Escolas Estaduais.
A Febrace foi iniciada na última segunda-feira (12) e prossegue até sábado (17) em Mega Tenda climatizada, montada na Cidade Universitária da USP, em São Paulo. O evento é organizado anualmente pelo Laboratório de Sistemas Integráveis (LSI) da Poli e tem entrada franca. Nesta edição, 325 projetos de 748 estudantes do ensino fundamental, médio e técnico de todo o país concorrem a medalhas, bolsas de iniciação científica e estágios. Cerca de 15 estudantes serão escolhidos para representar o Brasil na Feira Internacional de Ciência e Engenharia da Intel (Intel ISEF), ) que acontece de 13 a 18 de maio na cidade de Pittsburg, Estados Unidos.
O trabalho desenvolvido por Edilton, Júnior e Sara, usa energia solar instalada nos telhados das casas para diminuição do uso de gás e energia elétrica. Eles são do município de Dr. Severiano Melo no Oeste do RN com 6.552 habitantes e são da Escola Estadual Cristóvão C. Queiroz. A primeira experiência foi feita na cozinha da escola onde estudam. Levando em consideração que a temperatura ambiente da água no local era de 35ºC e com aquecimento a gás, apenas, demorava-se 11 minutos para preparar um café (com a temperatura final de 90ºC). Com a adição do sistema, em que a água fica numa caixa preta no telhado para ser aquecida pelo sol, a temperatura inicial é de 65ºC, o que diminui o tempo de fervura para apenas 8,5 minutos. Segundo Sara, a economia de energia chega a 38%.

O outro projeto potiguar trata da energia eólica. Vindos de Umarizal, região Oeste potiguar cidade com mais de 11 mil habitantes, Jonas, Flávia e Marcondes estudaram o desempenho de diversos tipos de "geradores" eólicos. Eles são alunos da Escola Estadual 11 de Agosto.

Os resultados de suas pesquisas apontaram maior eficiência nas hélices de três pás em comparação com a de duas e a de seis, enquanto que o diâmetro da hélice acoplado a um sistema de roldanas interfere diretamente na quantidade de energia produzida. Jonas ressalta que o Brasil tem "enorme potencial para desenvolvimento da energia eólica, mas esse potencial é pouco explorado". O Rio Grande do Norte tem o maior potencial de energia eólica do Brasil e na gestão Rosalba Ciarlini o Estado tem liderado os leiloes deste tipo de energia aumentou o número de parques eólicos instalados e produzindo no RN, que atualmente são 12.

Governo estimulou participação dos estudantes

Os estudantes responsáveis pela apresentação dos nove projetos que representam o RN estão sendo acompanhados por seus respectivos orientadores. O Governo do Estado assumiu as despesas com passagens aéreas e ajudas de custo para toda a equipe. Eles fazem parte de um total de 325 trabalhos escolhidos entre 1.505 projetos apresentados em feiras de ciências afiliadas a Febrace de todo o País.

Os projetos do RN apresentados são: "Análise dos problemas de Higiene Bucal e das Doenças transmitidas pelo beijo entre jovens", "Energia Eólica: Energia do Futuro", "Energia Solar: Uma alternativa sustentável para promover Economia","Estudo térmico de um laboratório de Ciências construído a partir de tijolos ecológicos", "Estudos de Astronomia na construção do conhecimento científico e na fabricação de alimentos derivados da mandioca cultivada em Passa e Fica", "Magia ou Ciência: Os fenômenos mágicos do mundo de Harry Portter que os cientistas tentam revelar", "Projeto Foguete movido à combustão do Etanol", Transmissor de Energia sem Fio" e "Utilização da Palma Forrageira como estratégia de convivência com o Semiárido na Serra de Luís Gomes".

Saiba mais sobre a feira

O objetivo da Febrace é desenvolver nesses estudantes o espírito empreendedor e fazer com que usem a criatividade para tentar resolver ou amenizar, de modo simples e barato, problemas da sociedade. Para a coordenadora da Feira, Roseli de Deus Lopes, o que estes jovens pesquisadores procuram é trazer "soluções para problemas da sociedade e contribuir para o desenvolvimento do país". A Feira se divide em grandes áreas do conhecimento: Ciências Agrárias, Biológicas, Exatas e da Terra, Humanas, da Saúde, Sociais Aplicadas e Engenharia. Mas alguns temas são bastante citados mesmo em categorias diferentes. A acessibilidade e projetos de inclusão são bons exemplos. Há projetos de educação para deficientes visuais na área de exatas, um aparelho reconhecedor de cor para deficientes visuais na área da engenharia e até um projeto de interação entre animais e crianças autistas.


Outro tema bastante recorrente é ecologia e sustentabilidade. Há o desenvolvimento de diversos produtos menos agressivos ao meio ambiente ou biodegradáveis, como tintas ecológicas, inseticidas naturais e a goma de mascar sustentável. A maioria das gomas vendidas atualmente utilizam-se do petróleo em sua fórmula, fonte não renovável e de difícil decomposição no ambiente. Esse elemento foi trocado por resinas vegetais que dá consistência e gosto semelhantes.

Fonte:Tribuna do norte
Do: Umarizal em fotos

quinta-feira, 15 de março de 2012

Mais de mil professores aprovados em concurso serão convocados

O Governo do Estado do RN vai convocar mil e treze educadores aprovados no Concurso Público de Provas e Títulos da Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC). Serão convocados mil professores e treze especialistas em educação para apoio pedagógico. A lista de convocados será publicada no Diário oficial do Estado (DOE) ainda esta semana.

O número de convocados irá suprir parte das necessidades apontadas no levantamento feito pela SEEC no quadro de professores e servidores. A previsão é que, até o meio do ano, nova convocação seja feita para substituir os profissionais contratados temporariamente.

O resultado final do concurso foi publicado no DOE, edição do dia 28 de fevereiro. De acordo com o edital, os candidatos devem estar aptos para posse em até 30 dias, contados da nomeação, incluído, nesse período, o prazo para obtenção do atestado de saúde ocupacional. Será tornada sem efeito a nomeação se, no prazo estabelecido, o candidato não tomar posse.

A COAPRH, setor de recursos humanos da SEEC, está finalizando o processo para o ato de nomeação em conjunto com a Secretaria de Estado da Administração e dos Recursos Humanos (SEARH).

São requisitos para a nomeação, a apresentação dos documentos relacionados a seguir (Original e Cópia autenticada), que devem ser entregues nas Diretorias Regionais de Educação (Dired’s) ou na própria SEEC.

a) Prova de conclusão de curso de habilitação para o cargo, mediante a apresentação do respectivo Diploma, ou de documento oficial da instituição de ensino superior que ateste a conclusão do curso pelo candidato, acompanhado de protocolo de requerimento de expedição do Diploma e Histórico Escolar.

b) Título de eleitor e certidão de quitação eleitoral

c) Certificado de reservista, para os candidatos do sexo masculino

d) Certidão negativa de antecedentes criminais expedidas pelas Justiças estadual e federal, assim como pela Polícia Civil da localidade em que o candidato possuir residência nos últimos 5 (cinco) anos

e) Atestado de saúde ocupacional (ASO), habilitando o candidato para o exercício do cargo, expedido por junta médica oficial

f) Inscrição no Cadastro de Pessoas Físicas do Ministério da Fazenda (CPF)

g) Documento de identidade expedido por órgão oficial

h) Outros documentos que forem exigidos na portaria de nomeação.

O resultado final por pólo, cargo, componente curricular com nome, inscrição, pontuação e classificação final estão no site da CESGRANRIO (www.cesgranrio.org.br) e no Diário Oficial do Estado (
http://www.dei.rn.gov.br/dorn/), poder executivo, Secretaria de Administração e dos Recursos Humanos, portaria nº 044/2012.
Fonte: Nominuto.com

RN e mais quatro estados são investigados por fraude de R$ 30 milhões

Indícios de fraudes e outras irregularidades de R$ 30 milhões levaram o Ministério da Saúde a suspender o repasse de recursos para o combate ao glaucoma no Rio Grande do norte, Paraíba, Maranhão, Minas Gerais e Alagoas. A constação foi da próprio MS, que encaminhou aos ministérios públicos do Estado e Federal, os resultados de auditoria.

Em fevereiro, a partir de distorções identificadas pelo Departamento de Regulação, Avaliação e Controle de Sistemas do Ministério da Saúde (DRAC), o Ministério suspendeu preventivamente o pagamento referentes às consultas e tratamento da doença faturados em quatro estados – Alagoas, Rio Grande do Norte, Paraíba e Maranhão.

Nestes estados, os recursos destinados ao tratamento do glaucoma totalizaram R$ 142,9 milhões no período de janeiro de 2008 a junho de 2011. O valor corresponde a 66% da quantia gasta em todo o Brasil nesse período. Os valores que deverão ser ressarcidos (mais de R$ 30 milhões) correspondem a recursos cobrados indevidamente pelos estabelecimentos.

Em alguns municípios, os auditores identificaram que a frequência de consultas contra a doença era 100 vezes superior a prevalência esperada, que é de 2,4% da população maior de 40 anos. Em outros casos, metade da população com mais de 40 anos fazia tratamento contra o glaucoma. Estabelecimentos que não possuíam aparelhos ou equipamentos oftalmológicos em suas dependências, mas que cobravam por procedimentos de glaucoma também foram alvo dos auditores.

Fonte: Nominuto.com

PRIMEIRO SURDO A CONCLUIR CURSO DE GRADUAÇÃO É ALUNO DA UERN

O estudante do curso de Pedagogia da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), Wagner Alves da Silva Queiroz entra para a história da educação como o primeiro surdo a concluir o curso de graduação em uma Instituição de Ensino Superior (IES) pública no Rio Grande do Norte. Ele defendeu sua monografia na tarde desta quarta-feira (07), com o título "O estágio supervisionado: contribuições da experiência de um aluno surdo".
Tendo como orientadora a Professora Doutora Ana Lúcia Aguiar Lopes Leandro, Wagner Alves utilizou uma metodologia totalmente visual, através da Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS) e leitura visual. Segundo a orientadora, em sua monografia, Wagner buscou retratar a contribuição de sua experiência durante o período do estágio que realizou como professor de LIBRAS.
O primeiro surdo a concluir um curso de graduação em uma universidade pública no Rio Grande do Norte afirmou, através de sua tradutora intérprete Sara Cristina Freires, que agora vai poder contribuir cada vez mais com a luta pelos direitos das pessoas surdas e que poderá ser um profissional em escolas para pessoas surdas. "Quero mostrar o surdo como uma pessoa humana", afirmou.
Wagner conta que recebeu o apoio do Departamento de Apoio à Inclusão da UERN (DAIN) desde o seu ingresso, no curso, há 4 anos. Segundo ele, no início do curso houve muita apreensão, já que não havia interprete tradutor, o que dificultava a sua interação com os professores e colegas. No entanto, períodos mais tarde, passou a contar com a intérprete e foi mais fácil aprender os conteúdos que foram passados em sua própria língua. "Ainda existem muitas batalhas a serem vencidas, mas quero que o meu caso sirva de exemplo para outras universidades e também para outros surdos, para que mais pessoas surdas possam vir também para a universidade", afirmou.
De acordo com a professora Socorro Severino, Chefe do DAIN, a UERN possui outros três alunos surdos, sendo um em Apodi, um em Caraúbas e um em Mossoró, além de outros dois com deficiência auditiva. O DAIN também atende dois cadeirantes, um em Mossoró e outro em Pau dos Ferros; um deficiente intelectual e vários deficientes psicossociais.
No PSV 2012, 44 candidatos afirmaram em suas inscrições que tinham alguma deficiência. Desses, nove não realizaram as provas.
Fonte: Agecom
Do: Sabor de informação


Greve dos professores está descartada no RN, assegura SINTE

Está descartada a possibilidade de nova greve na rede pública de ensino no Rio Grande do Norte, pelo menos até abril. Essa foi a decisão tirada da assembleia geral dos professores estaduais realizada ontem em Natal. Os servidores avaliaram que, embora a proposta do governo apresentada na última semana não seja suficiente, a categoria preferirá manter o diálogo a cruzar os braços.

O Governo do Estado anunciou que fará o reajuste do piso dos servidores (22%) e iniciará o pagamento da promoção vertical ainda neste mês. "Nós levamos a proposta para avaliação e a categoria, mesmo reconhecendo que a proposta não é completa, entendeu que com essa proposta dá para continuar negociando sem precisar usar o único instrumento, que é a greve", disse Zé Teixeira, coordenador estadual do Sinte.

Assim, o sindicato transfere o indicativo de greve para o dia 12 de abril, quando haverá nova assembleia de avaliação. De acordo com Zé Teixeira, o indicativo continua porque o governo, ao anunciar o pagamento do piso, só atendeu os efetivos, dividindo o reajuste dos aposentados em quatro parcelas: de abril a julho.
Além disso, não apresentou nada com relação ao plano dos servidores. O documento foi aprovado em junho de 2010, publicado em julho, e deveria ter sido cumprido até novembro deste ano. O governo Iberê Ferreira ainda publicou a liberação de 30%, que só chegou a ser paga agora no governo Rosalba, mas ainda falta pagar 70% da diferença do piso de cada servidor: ASG, GMO (fundamental), GNM (médio) e GMS (superior).

Contudo, a secretária da Educação, Betânia Ramalho, se comprometeu, a partir de agora, a se debruçar sobre esse plano, embora ele não esteja na pauta apresentada por ela à categoria. "Essa questão, por ser mais complicada, é trabalhada dentro de um fórum envolvendo representantes de todas as regionais", disse Zé Teixeira.


O coordenador do Sinte explica que havia um clima de apreensão entre a categoria e o governo porque não conseguia diálogo desde meados do ano passado. "Agora, como foi aberto esse campo de diálogo, avaliamos que não deveríamos deflagrar greve, mas continuar dialogando", completou.

PARALISAÇÃO NACIONAL
Até amanhã, professores de todo o Brasil continuam de braços cruzados. A mobilização, organizada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), reivindica o cumprimento do piso nacional nos Estados e 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para a Educação.
Fonte: Jornal de Fato
Do: Umarizal News

quarta-feira, 14 de março de 2012

Comentário merecedor de destaque:

Anônimo Mar 14, 2012 04:49 AM

Olá gerenciador do Blog! fiz um comentário em outros blogs, mas nenhum deles postou, não sei o porque, já este espaçao serve para a população se manifestar denteo de seus limites, claro! Na verdade o comentei sobre o ' Dia Internacional da Mulher" que aconteceu aqui em Umarizal, e os governantes desprezaram totalmente! Falo da ´rogrmação alusiva à este tão importante dia para as mulheres, onde a DIACONIA e a OPU (Ordem dos Pastores e Líderes Evangélicos de Umarizal)realizaram Três (03) dias de Evento, com Palestrras nas escolas, e encontros, porém nenhum representante se quer apreceu lá, o mais interessante é que todos foram convidados, digo: Secreta´rios, Vereadores e Gestor, mesmo assim nenhum deles fez caso. Outro fator interessante é que a abertura do evento foi na Cãmara dos vereadores, e nem lá apreceram algum vereador. Poré amigo, acho que eles esqueceram que grande 'peso" do eleitorado deste município é Evangélico, é só olhar para o tamanho das Igreja Asssembleía de dEUS, fILADÉLFIA e Igreja de Cristo, sem contar as outras. ou seja , este desprezo, ou desrespeito poderá pesar um pouco, pois esta bem pertinho dos Pré-candidatos começarem a sssistir cultos, e pedir apoio dos Pastores. É realmente um fato lamentável, não prestigiam eventos importantes do Municipio, mas vivem em pe de gurra política. Me ajude a apresentar isto á população, para que tenham ciência do fato. Obg!


Professores paralisam atividades por três dias

Escolas da rede pública municipal e estadual do Rio Grande do Norte estarão com as portas fechadas a partir de hoje. Não haverá aulas até a próxima sexta-feira. O motivo é a paralisação nacional dos professores que durará três dias. No Estado, o movimento poderá ser estendido caso o indicativo de greve seja aprovado em assembleia que será realizada no início da tarde de hoje.
A greve temporária é organizada, todos os anos, pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE). Esse ano, o órgão quer chamar atenção da sociedade para o que é definindo como "descaso de grande parte dos gestores públicos em não cumprir a Lei Nacional do Piso do Magistério". Além disso, diz a nota da CNTE, "os professores também vão defender o maior investimento público em educação, com a previsão de 10% do Produto Interno Bruto no Plano Nacional de Educação (PNE)".

No Rio Grande do Norte, a categoria está em negociação desde o início do ano. Professores estaduais e da rede municipal da capital pleiteiam reajustes salariais e melhorias nas condições de trabalho [veja box]. Na tarde da última segunda-feira, representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte-RN) se reuniram com a secretária estadual de Educação, Betânia Ramalho. Na ocasião, a gestora apresentou o Novo Projeto de Educação do Rio Grande do Norte, projeto que, segundo a secretária, ainda está em construção.

Entre os pontos exigidos pelos professores, está o pagamento do Piso Nacional dos Professores. No início do mês, a governadora Rosalba Ciarlini anunciou que irá pagar o valor fixado em R$ 1.450,00 para 30 horas, obedecendo um reajuste de 22,22%. Segundo Betânia, os professores da rede estadual receberam aumento de 63,77% nos últimos meses. "Concedemos um reajuste de 34% em 2011. Com o o atual aumento, totalizamos 63,77% acumulados nos últimos seis meses. Um aumento histórico que precisa ser registrado", disse.

A secretária acredita que avançou nas negociações e não acredita em um nova paralisação da categoria. "Fomos muito prejudicados com a greve de 70 dias ano passado. Uma greve agora seria totalmente sem sentido", afirmou.

Apesar dos "avanços", como ressalta Betânia, a possibilidade de greve não está descartada. De acordo com a presidente do Sinte-RN, Fátima Cardoso, há incertezas com relação a alguns pontos. "Há divergência com relação ao reajuste de 22,22% para os aposentados. A proposta do Governo é de que o aumento seja dividido em quatro parcelas cumulativas entre abril e julho. Outro ponto que não houve consenso é com relação ao pagamento do retroativo de janeiro", disse. O futuro das aulas na rede estadual será decidido logo mais à tarde, durante assembleia da categoria.
Fonte: Tribuna do norte

Maior feira estudantil de ciências do país tem representantes Umarizalenses

A maior feira estudantil de ciências e engenharia do país foi inaugurada nesta terça-feira (13) em São Paulo com a exposição de 325 projetos inovadores. A Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace), em sua décima edição, traz trabalhos desenvolvidos por 743 estudantes de nível fundamental, médio e técnico, de todas as regiões do país.

Entre os projetos, está o de três alunos do Ensino Médio da Escola Estadual 11 de Agosto que produziram uma maquete mostrando em detalhes como uma cidade pode ser sustentada com o uso da energia eólica. “Na atualidade utiliza-se a energia eólica para mover aero geradores - grandes turbinas colocadas em lugares de muito vento. Essas turbinas têm a forma de um cata-vento ou um moinho. Esse movimento, através de um gerador, produz energia elétrica”. Explicam os criadores do trabalho, Jonas Medeiros, Marcondes Matheus e Flávia Kaline.

Outro projeto da Escola 11 de Agosto foi produzido pelas alunas, Hilma Maria de Freitas, Sylvia Katherine e Clara Beatriz. Elas mostram em detalhes os benefícios e as doenças que podem ser transmitidas através do beijo. “Além do carinho, do afeto e das emoções compartilhadas durante o beijo na boca, as pessoas trocam saliva (fluido formado por 99% de água e que contém amilase, enzima digestiva que decompõe o amido contido nos alimentos), sais minerais e uma gama de micro-organismos, muitos deles causadores de doenças”.

Os alunos estão sendo coordenados pelo professor e orientador dos projetos, Everton Pinheiro. Os representantes de Umarizal e do Rio Grande do Norte retornam de São Paulo no próximo Domingo (18).
Fonte: Umarizal em fotos

terça-feira, 13 de março de 2012

Greve dos professores é possível mesmo com pagamento, diz sinte

A coordenadora do Sindicato dos Trabalhadores da Educação (Sinte) no RN, Fátima Cardoso, afirmou que a categoria cogita uma paralisação, mesmo havendo garantia da Secretaria Estadual de Educação de que o novo piso do magistério, reajustado em quase 23%, será pago ainda neste mês.

"Na quarta-feira, vamos fazer uma assembleia para saber se vamos realizar uma greve ou não", disse Cardoso. A coordenadora geral do Sinte, Fátima Cardoso, disse que a sua maior preocupação com o pagamento seria com os aposentados, pois o dinheiro será recebido em parcelas até o mês de julho.

Cardoso disse que outras propostas que foram apresentadas pela secretária foi o pagamento atrasado de títulos acadêmicos (especialização, mestrado, doutorado e pós-doutorado) que estavam atrasados desde 2006.

A secretária de Educação, Betânia Ramalho, conversou com o Sindicato dos Trabalhadores da Educação (Sinte), na segunda-feira (12), sobre o aumento do piso salarial de 22,22 %, que é de acordo com o piso salarial nacional do magistério.

Para a secretária, o diálogo ajuda no avanço da educação no Rio Grande do Norte. Ela assegurou, em documento, o pagamento do piso será feito a partir de março para professores de escolas e creches, além daqueles que estão trabalhando na Secretaria Estadual de Educação e Cultura (SEEC).

Acrescido aos 34% concedidos em 2011, o atual aumento do salário dos professores totaliza 63,77% acumulados nos últimos seis meses. Para Betânia Ramalho, isso é um fato histórico.

Os professores que não estão regularizados têm o prazo de 30 dias para legalizar sua situação junto à Coordenadoria de Pessoal e Recursos Humanos (COAPRH). Já os aposentados, receberão o novo piso em quatro parcelas iguais e começa o pagamento no mês de abril.
Fonte: Nominuto.com